FANDOM


Peter Martin é o protagonista do filme Westworld - Onde Ninguém Tem Alma. Ele é um dos convidados de Delos, visitando o parque pela primeira vez. Martin é interpretado por Richard Benjamin.

Antecedentes

Peter é um advogado de Chicago e visitante pela primeira vez em Delos. Ele menciona ter se separado de sua ex-mulher, Julie, seis meses antes de viajar ao parque. Ele também tem filhos.

História

Westworld - Onde Ninguém Tem Alma

Peter decide ir ao parque Delos pela primeira vez, acompanhado de seu amigo já experiente John Blane. Eles escolhem passar a estadia no Mundo do Oeste, um dos resorts do parque. Por ser sua primeira experiência, Peter faz várias perguntas sobre as armas e roupas usadas no ambiente. Ao chegarem no resort, os dois se instalam em um hotel e Peter reclama do desconforto dos aposentos. A dupla vai a um bar, e Peter relutantemente bebe uma dose de uísque. Um dos clientes intencionalmente esbarra nele, fazendo com que ele derrame a bebida na camisa. O pistoleiro começa a provocar Peter, até que ele o desafia para um duelo e o mata.

No hotel, Peter fica com medo de ter assassinado uma pessoa de verdade. John o desafia a atirar nele, mas quando Peter puxa o gatilho a pistola falha. Ele explica que as armas têm um sensor de temperatura corporal que impede que os hóspedes se matem, podendo apenas atirar nos robôs. Assim, Peter se tranquiliza. À noite a dupla vai ao bordel da Srta. Carrie, onde eles tem relações com as prostitutas do local. Peter chega a comentar que era a sua primeira vez fazendo algo do tipo.

No dia seguinte, ao voltar de um banho, Peter nota que alguém havia invadido seu quarto e rendido John. Ele entra no lugar e alveja o Pistoleiro, mas acaba sendo preso por isso. John tem a ideia de esconder uma bomba na refeição de Peter, que explode na prisão e permite que ele fuja. Antes de irem a um deserto, John mata o xerife. Eles seguem para fora do parque montados em cavalos, mas John acaba sendo mordido por uma cobra. Peter sugere que aquilo poderia ser parte da experiência do parque, sem saber que se tratava de um grave problema no funcionamento dos robôs.

De volta ao bordel, Peter e John se envolvem em uma briga de bar. Eles acordam no dia seguinte, quando as falhas nos sistemas do parque haviam se agravado consideravelmente. Eles andam pelas ruas desertas do Mundo do Oeste até encontrarem o Pistoleiro novamente. O robô desafia John para um duelo, que pensa que tratava-se apenas de uma atração do parque. Porém, John acaba sendo realmente baleado e morto. Ao notar a gravidade da situação, Peter monta em seu cavalo e começa a fugir pelo parque, sendo seguido implacavelmente pelo robô.

Na tentativa de atingir o Pistoleiro, Peter recebe um ataque surpresa e acaba perdendo sua arma. Um dos técnicos de Delos entra em pânico e tenta fugir, até encontrar Peter e explicar que ácido poderia ser útil contra o robô. O técnico acaba sendo baleado pelo Pistoleiro antes de terminar a explicação. Peter continua vagando pelo parque na tentativa de despistar o robô e, ao descer por um bueiro no Mundo Romano, descobre que os técnicos de computação do resort sufocaram até a morte após o desligamento de energia. Ele entra num laboratório de reparação de robôs, enquanto o Pistoleiro continua o seguindo pelos corredores subterrâneos. Quando o androide entra na sala, Peter finge ser um robô, joga ácido em seu rosto e foge.

Com a visão danificada pelo ácido, o Pistoleiro tenta encontrar o hóspede com seus scanners infravermelhos. Peter volta a superfície dentro do castelo do Mundo Medieval e se esconde atrás de tochas do salão, mascarando sua presença. Quando o Pistoleiro se aproxima, Peter derruba uma das tochas nele e o incendeia. A carcaça carbonizada do robô tenta o atacar nas escadas da masmorra, antes de sucumbir ao seu destino. Peter senta nos degraus, chocado e exausto, enquanto o slogan de Delos ecoa em sua mente.

Personalidade

Peter é mostrado como alguém esperto e com uma mentalidade inquisitiva. Ele tem uma bússola moral forte, o que se percebe quando ele quase se sentiu culpado após matar o Pistoleiro por pensar que ele poderia ser uma pessoa de verdade. A princípio ele não parecia satisfeito com o parque e o achava artificial, o que demonstrava sua proximidade com o mundo real. Com o passar do tempo ele passou a gostar de Delos. Peter demonstrou ser esperto quando tentou fugir do Pistoleiro, se escondendo no centro de controle do parque e jogando ácido no rosto do vilão. É provável que ele tenha ficado transtornado depois do incidente em Delos, por ter visto seu amigo e diversas outras pessoas morrerem.

Relacionamentos

John Blane

Peter e John são amigos próximos e aparentam ter uma boa relação. Peter foi incentivado por John a visitar Delos, e ele acabou servindo como guia para o novo visitante. Peter foi criticado por John quando mencionou a ex-mulher, Julie, e encorajado a esquecê-la. Peter também foi estimulado pelo amigo a ter uma experiência com as prostitutas robóticas do parque. Foi John quem incentivou Peter a matar o Pistoleiro quando ele o provocou no bar local. Peter chegou a salvar o amigo da mesma figura quando o robô invadiu seu quarto, apesar dele não representar uma verdadeira ameaça. Porém, John não se mostrou satisfeito com a escolha de Peter quanto ao parque e também com suas perguntas incessantes. Quando John morreu, Peter se mostrou incrédulo.

Julie

"Eu amo meu cavalo. Eu amo meu cavalo e eu amo Julie."
—Peter para John, enquanto comentava sobre o parque.

Julie era esposa de Peter e teve filhos com ele, como o próprio mencionou. Eles se divorciaram seis meses antes de Peter viajar a Delos. Ele parece ainda ter um apreço por ela, apesar de relutar, como quando lembrou dela ao ver uma peça de cerâmica. Enquanto conversava com John em estado de euforia, ele chegou a dizer que ainda a amava.

Curiosidades

  • Peter Martin é a inspiração para o arco de William, na série de 2016: ambos visitam o parque pela primeira vez e estão acompanhados por um amigo já experiente no parque (John Blane no caso de Peter, e Logan no de William). Peter também esteve casado recentemente com uma mulher chamada Julie, enquanto William se casou com uma mulher chamada Juliet.